twitterfeed
PUBLICADO EM 13.10.2015 - 23:31

Nívea Stelmann: ‘Decepção faz parte da vida’

Antes de começar uma vida nova na Record (ela fará ‘Josué, a Terra Prometida’), Nívea Stelmann volta a passar um tempo nos Estados Unidos. Da primeira vez, muita gente achou que ela havia decidido sair do Brasil por conta do fim de seu contrato com a Globo. Mas não! Lá, ela comprou uma mansão e pensa, um dia, criar os filhos na segurança da América. Agora, ela fala abertamente de como sua vida mudou depois de ser ‘global’. E admite que muita gente mudou com ela depois da perda de seu crachá da Globo.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Você foi convidada pela Record quando ainda estava na Globo?
Não. Acredito que eles só convidem depois que o contrato acaba. O meu de 20 anos acabou em novembro do ano passado. Não fui antes para a Record porque estava na dúvida se mudaria ou não para os Estados Unidos, que ainda é um projeto de vida para mim que foi apenas adiado.

O Marcello Antony pediu R$ 100 mil à Record? Quanto você pediu? Mais ou menos?
Soube por você (risos). Não vou falar o meu salário, mas estou feliz com o que o meu empresário fechou.

Você se decepcionou com o meio artístico?
Com algumas pessoas sim. E muito. Mas não posso generalizar. Ainda amo muita gente. E decepção faz parte da vida de todo mundo. Não precisa ser do meio artístico.

Na Globo, o que vale mais: o talento ou os contatos?
(Nívea preferiu não responder).

Você disse que vai voltar ao Brasil para trabalhar, mas esse tempo fora não pode ser ruim? Você não vai ficar longe do mercado?
Estou aqui enquanto não começo a gravar… Quando eu vier para os Estados Unidos, eu vou vir de vez, então não me preocupo em ficar longe do mercado. Vou estar fora mesmo (risos).

Desde que você se casou com o empresário Marcus Rocha e teve a Bruna, a sua carreira ficou em segundo plano?
Ficou. Por opção. Fiz um longa, um canal no YouTube,alguns comercias e presenças escolhidas a dedo para não ficar longe dela. Nunca mais vou ser mãe e não queria perder esse momento trabalhando feito louca. Já fiz isso com o Miguel e só não me arrependo porque levava ele para todos os lugares. Mas agora, com dois filhos de dez anos de diferença entre eles não dá mais pra fazer isso. Então, preferi ficar com ela e amamentar um ano. Agora, estou pronta para gravar e voltar correndo para casa (risos).

Publicidade