twitterfeed
PUBLICADO EM 18.07.2016 - 13:43

Gyselle Soares é capa da primeira edição da revista francesa Fashion Me. Tendo como cenário a cidade de Paris, na França, a brasileira fez um ensaio inspirado na mulher moderna, que curte usar acessórios como óculos de grau da marca Line Art e chapéus. Morando desde de 2010 na Europa, Gyselle acabou de atuar no espetáculo ‘A Mulata’.

18-gyselle-leodias

  • 0
PUBLICADO EM 18.07.2016 - 13:34

O pagode ganhou um novo muso. O nome dele é Xanndy, o novo vocalista do Nosso Sentimento. Ex-participante do ‘The Voice 4’, ele tem dado trabalho para os seguranças das casas de shows. É que o moreno de 26 anos é dono de um corpo atlético e tem deixado a mulherada enlouquecida a cada apresentação.

18-sentimento-leodias

  • 7
PUBLICADO EM 18.07.2016 - 13:27

A cantora sertaneja Mônica Guedes está chamando atenção na internet com uma campanha que fala sobre o alcoolismo entre os jovens. “Não é um trabalho moral, muito menos uma bandeira contra os artistas que lançam trabalhos que incitam as bebidas e drogas entre os jovens, eu vendo uma coisa que acredito” conta.

18-clipe-leodias

  • 2
PUBLICADO EM 18.07.2016 - 13:21

Na cena que vai ao ar a partir de quarta-feira em ‘Velho Chico’, Sophie (Yara Charry) apresenta a primeira peça rendada feita por ela, Piedade (Zezita Matos), Josefa (Marcelia Cartaxo) e Isabel (Rayza Alcântara). A menina fica deslumbrada com o vestido.

18-velho-leodias

  • 0
PUBLICADO EM 18.07.2016 - 13:15

Em ‘Haja Coração’, Teodora (Grace Gianoukas) foi dada como morta, mas a personagem não deixará Aparício (Alexandre Borges) em paz tão facilmente. A megera continua em Sua vida, aparecendo em seus sonhos. Ou melhor, pesadelos. E se na história Teodora e Aparício vivem às turras, nos bastidores o clima entre os atores é o melhor possível. Na imagem, eles aparem com o diretor Luciano Sabino.

18-novela-leodias

  • 0
PUBLICADO EM 18.07.2016 - 13:03

A coluna descobriu qual o próximo projeto do Aguinaldo Silva. O novelista está escrevendo um seriado (de terror) sobre o João do Rio, pseudônimo de João Paulo Emílio Cristóvão dos Santos Coelho Barreto, figura lendária carioca que morreu aos 39 anos, vítima de um infarto fulminante. A série, que terá 15 capítulos, deve começar a ser gravada no início de 2017. Aguinaldo já começou a escrever a sinopse do projeto. Aos amigos, o novelista tem confidenciado que cada vez mais ele tem vontade de fazer só seriados.

  • 0
PUBLICADO EM 18.07.2016 - 12:56

Tiago Iorc é a bola da vez entre as famosas novinhas. Pelo jeito, o cantor faz mesmo sucesso, né? Depois que o galã terminou com Isabelle Drummond, tem uma fila de atrizes jovens saindo no tapa querendo namorar o galã.

18-tiago-rep

Amanhã, Cleo Pires vai comandar, ao lado de Adriane Galisteu, a festa de 7 anos da grife de acessórios Macadâmia, em São Paulo. Para a ocasião, Cleo promete um look bombástico.

Susana Vieira segue na noite de hoje para Salvador na Bahia para gravar o ‘Superbonita’ com Ivete Sangalo. Já passaram por esta nova temporada do programa do GNT nomes como Bruna Marquezine e Ingrid Guimarães.

Lucas Lucco já vendeu a mansão dele na Barra. O cantor e ator não tem pretensão de permanecer no Rio depois que chegar ao fim essa temporada de ‘Malhação’.

18-joao-leodias

A dupla João Marcelo e Juliano, que está em primeiro lugar na Crowley no interior do Rio com a música ‘Estranha’ acaba de assinar contrato com a Som Livre.

Em novembro, Matheus Nachtergaele vai formar um casal com Irandhir Santos no cinema. Em entrevista, o ator tem dito que os dois vão se pegar em cena. Mas a coluna tem a vaga lembrança de que eles se conhecem de algum lugar… Bom, é melhor deixar isso pra lá.

Falando em beijo, João Fernandes, que ficou conhecido como o Nidinho de ‘’Cordel Encantado’, está em cartaz no Teatro Gazeta, em São Paulo, no musical ‘Meninos e Meninas’. Na peça, ele interpreta um adolescente gay que se declara para seu melhor amigo. Os dois se beijam no final.

  • 0
PUBLICADO EM 18.07.2016 - 12:43

Se depender da vontade da direção da ‘Playboy’, Alinne Morais vai estampar a capa de agosto da publicação, que comemora o aniversário da revista. Uma fonte da coluna garante que as negociações estão avançadas, mas a assessoria de imprensa da ‘Playboy’ não confirma a informação. Aliás, a resposta foi: “a gente não confirma e nem desmente”.

A coluna entrou em contato com a assessoria de Alinne, que negou qualquer tipo de negociação. Se os dois lados chegarem a um acordo, vai ser um gol de placa da ‘Playboy’, que há tempos não consegue um grande nome da Globo para a capa — não, caro leitor, a coluna não considera Luana Piovani uma estrela global. Até porque a atriz não tem contrato fixo com a emissora.

 

  • 0
PUBLICADO EM 17.07.2016 - 12:00

A COLUNA AMA ENTREVISTAR WANESSA. E se você, caro leitor, perguntar o motivo, a gente responde sem pestanejar: porque ela é verdadeira. Na entrevista a seguir, a cantora diz que voltou a usar o sobrenome Camargo, que pertence a Zezé; conta do novo empresário; admite ter sido louca pela fama no início de carreira; e ainda fala abertamente sobre suas fraquezas.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

 

Vamos começar falando de sertanejo?
É a minha essência, né?

Então você está voltando a cantar sertanejo?
Com certeza. Só que eu gosto de muita mistura e por isso consigo trazer alguma coisa com a minha cara. Sou uma pessoa muito eclética então é gostoso poder voltar nas coisas que foram parte da minha essência.

E você já gravou o que?
Gravei dez músicas.

Que falam sobre o que?
Tinha muita música romântica. Aí eu falei para rever porque também tem que ter equilíbrio no CD.

Eu bati um papo com o Marcus Buaiz (marido de Wanessa Camargo) e ele falou assim: “Eu sabia que quando ela começou a cantar em inglês que ia ter um início, meio e fim. Ele falou isso para você?
É porque o mercado em si não tem para onde ir mais. Eu já fiz todas as melhores casas, as melhores festas,o melhor clipe, já fiz tudo isso… Ou você vai para fora do Brasil para tentar crescer ou você fica na mesma. Mas isso não impede que daqui pra frente eu lance um projeto especial, uma música para lançar como mix com um DJ. Até porque eu gosto. Eu me dou com esses mundos eletrônico e sertanejo.

Quando é que vai ter CD novo?
Em agosto.

O Marcus cuidava da sua carreira?
Eu tinha mpresário, mas o Marcus sempre foi aquele marido que participou.

Ele que procurou o Wander de Oliveira?
Não. Eles estavam fazendo um projeto juntos, o ‘Festeja’, aí o Wander perguntou ao Marcus se eu topava fazer participação na turnê da dupla Maiara e Maraísa. Isso ficou na cabeça do Marcus.

Wander disse que no momento, o sertanejo é da mulher. É isso?
É! A Marília (Mendonça) falou uma coisa no ‘Fantástico’ que eu adorei: as mulheres não querem ver o homem cantando para elas.

Você bebe?
Eu gosto de beber, mas não estou bebendo não.

Por que?
Porque eu fiz uma promessa. Estou há quatro meses sem beber.

Como é a sua vida?
Filhos, filhos, filhos, marido, marido, marido, família, trabalho.

E agora vai mudar?
Vou ter que me dividir mais.

Você já está preparada para isso?
Já começou um pouco. Na verdade, quando o José nasceu a gente foi lançar o CD. Fiquei uns quatro meses longe e eu sofri, porque foi quando ele começou a comer. Eu fazia show e ficava todo o final de semana fora. Aí parou, eu engravidei de novo e fiquei mais tranquila. Tem que saber equilibrar.

Se estourar, numa escala de 25 shows por mês a R$ 400 mil cada. O que você vai fazer? Vai dizer não?
Não.

E o Marcus vai te acompanhar? 
Não, ele tem a vida dele.

O Marcus não vive em função de você, não é?
Calma! Você quer que eu sofra antes!

Você não vai cantar com o seu pai?
Eu já cantei tantas vezes com o meu pai… A gente tem uma ideia de fazer um projeto juntos.

Você pensou em não cantar mais? Em ser mãe?
Até já pensei.

Você usa babá? 
Tenho uma para cada, mas tem mãe, tem avó… Marcus é muito paizão. Final de semana ele me dá uma aliviada. Quando eu quero dormir até mais tarde ele segura os meninos até duas da tarde.

Que história é essa de casamento em crise?
Eu que te pergunto: que história é essa?

Eu conversei com o Marcus e sabe o que ele falou para mim hoje? “Leo eu já até dormi na sala, mas não foi hoje, não está sendo agora”.
A gente não fica brigado muito tempo. É bom não dormir brigado.

Vocês dormem no mesmo quarto, né?
Mas ele tem o quarto dele que ele usa de escritório.

Os banheiros são diferentes?
Pelo amor de Deus, né, meu filho? Graças a Deus! Banheiro separado salva casamento, salva a relação! Sabe o que é engraçado? Desde criança eu não entendia como é que os meus pais dividiam o banheiro. Eu acho uma coisa tão anti-clímax você ir ao banheiro e seu marido entrar em seguida ou vice-versa… Não acho nada romântico dividir banheiro.

E já são nove anos de casamento?
São 11 anos juntos.

Como é que você avalia o casamento? Ele está numa montanha russa?
No começo é ótimo. Aí no segundo foi mais balançado. Aí sobe um pouquinho, desce um pouquinho, vem os filhos e aí subiu, porque a gente se descobriu. Casal é família, lógico, mas filhos são maiores. Mas a gente tenta melhorar todos os dias.
Isso te dá tesão?
Dá! E dá admiração também. Eu posso falar o que eu quiser do Marcus, mas ele como pai é tão lindo… Eu não sabia que era tão importante para ele ser pai. Ele me ajuda na alimentação, quando estão doentes, em coisas que eu não vejo normalmente outros pais fazerem.

A vida da sua família virou um filme. Sua vida daria uma novela?
Novela que nada! Ia dar um livro! Eu estou brincando… Acho que a minha vida é muito tranquila.

Então não daria um filme?

Toda vida dá um filme. Se as pessoas conseguissem extrair de cada ser humano a essência de cada um… Ou dá um filme ou dá um livro.

Sim, mas histórias normais… A da sua família não é normal?
Ah, mas isso é o enredo. Depende do diretor. É isso que eu estou falando, mas as pessoas não conhecem metade do nós vivemos.

Mas você acha que as pessoas gostam de acompanhar a sua vida como uma novela? Aliás… da sua família toda?
Minha família talvez. A minha eu permiti no início. Eu me abri como livro, porque eu sou uma pessoa que acredito nas pessoas e talvez eu buscasse isso de uma certa forma como aprovação. Eu virei refém da fama, de ser falada, de as pessoas falarem de mim… De uma certa forma eu queria, mesmo reclamando. Eu acho que aquilo me viciou de algum modo.

Você queria ser mais famosa do que ter sucesso?
Eu sempre tive muita fé, coragem e coração aberto. Eu me fortaleci quando comecei a tomar as porradas. Quando as pessoas começaram a falar que eu não tinha talento, aquela primeira vaia que eu levei num show… Eu me fortaleci um pouco, mas lá dentro eu tive dúvida se eu tinha talento e aí que foi o problema.

Como é que você avalia o seu pai, que não leva desaforo para a casa?
Quero matar ele! Só isso!Eu falo para o meu pai que ele às vezes parece adolescente. Acho que às vezes eu vou dar trabalho para ele de novo para ele parar de dar trabalho para mim. Já viu pai ouvir filho? Ele ouve meu tio, empresário, deve ouvir a namorada… Mas eu? Eu já cansei! Já falei para o meu pai não ter rede social porque fica vendo as coisas… Já falei isso até para minha mãe, poque eles ficam apegados ao que as pessoas falam.

Para terminar, me diz para o seu público qual Wanessa que eles vão ouvir agora?
A mesma de sempre, em busca de mudanças, em busca de coisas novas… É uma retomada, e existe uma coisa que eu sou e vou ser sempre: eu sou uma metamorfose ambulante.

  • 47
PUBLICADO EM 16.07.2016 - 12:01

O  cantor Tomate está encrencado. A juíza Marylúcia Leonesy da Silveira, da 28ª Vara do Trabalho de Salvador, acaba de determinar o bloqueio online das contas e ativos financeiros da empresa de eventos e produções do baiano. Se não for encontrado dinheiro suficiente nas contas da sociedade, os bens pessoais do artista poderão ser penhorados, até que se alcance o valor da dívida — em maio de 2013 o contador judicial apurou um débito de R$ 781.178,19. A sentença foi dada nos autos da reclamação trabalhista de número 0000197-85. 2012.5.05.0028. A ação foi ajuizada por Wilton Inácio Diniz, um ex-produtor de Tomate. Ele alega nunca ter trabalhado com carteira assinada, apesar de provar seu vínculo empregatício com o cantor. Além disso, Wilton afirma ter sido dispensado quando estava doente. O diagnóstico dado pelos médicos foi de abscesso de psoas, razão pela qual ficou hospitalizado e afastado de suas atividades durante cerca de dois meses. A Justiça entendeu que houve o vínculo empregatício e isso gerou FGTS, 40%, seguro desemprego, férias e INSS. Os valores foram calculados em cima de um salário de R$ 6 mil mensais. Wilton foi admitido no dia 15 de agosto de 2004 e demitido, sem justa causa, em 9 de setembro de 2011.

Divulgação

Divulgação

  • 14
VEJA MAIS POSTS