twitterfeed
PUBLICADO EM 23.06.2017 - 14:52

Nas areias, um ótimo começo

Maria Elisa e Carol conquistaram o primeiro título da dupla na Holanda. Foto Getty Image/ Divulgação FIVB

Maria Elisa e Carol conquistaram o primeiro título da dupla na Holanda. Foto Getty Image/ Divulgação FIVB

Há somente dois torneios juntas, Maria Elisa e Carol Solberg já festejaram um título do Circuito Mundial de vôlei de praia, conquistado em Haia, na Holanda, domingo. “Temos características parecidas em quadra, de falar bastante, vibrar muito, ver o jogo da mesma maneira. Isso facilitou muito. E temos química na bola. No primeiro treino já deu para ver que, independentemente de resultado, a gente tinha uma química”, conta Carol, filha da ex-jogadora Isabel. Chegar à final não foi fácil para elas, que precisaram jogar o country quota (disputa entre duplas do mesmo país por uma vaga no campeonato) e ainda o torneio de qualificação para então alcançarem a chave principal. Apesar do cansaço, Carol acredita que toda essa maratona fortaleça a dupla: “É muito desgastante. Tem um lado ruim fisicamente, mas emocionalmente tem um aspecto positivo. Enquanto o pessoal está começando o torneio principal, nós já passamos por momentos de estresse”. Antes de Haia, elas haviam ficado em quinto lugar na etapa de Moscou e hoje embarcam para disputar o country cota em busca de uma vaga no torneio principal em Porec, na Croácia. Em relação aos Jogos de Tóquio-2020, Carol prefere ser cautelosa: “A gente acabou de se juntar. Está bem distante ainda e nossa realidade agora é o country cota. Temos que ir ponto a ponto. Mas é um sonho e é claro que seria o máximo.”

Publicidade